Deixe seus comentários aqui

Interação?


Muitas vezes, os programas de televisão, rádio e até sites e plataformas de Internet bradam, a plenos pulmões, que "a interatividade é total", que as pessoas "têm voz e têm vez", tem "liberdade de se expressar sem censuras", que "toda sugestão é bem vinda". Mas será que isso realmente ocorre? Será que é correto dizer que tudo isto é interação de verdade? 
O que você acha disso?

Como lidar com pessoas difíceis no trabalho

Como lidar com pessoas difíceis no trabalho

No ambiente de trabalho, o mais importante é exercitar a paciência e benevolência
 

São Paulo - Você passa mais tempo com os seus colegas de trabalho e chefe do que com a sua família. E, certamente, precisa conviver com pessoas de diferentes personalidades, compatíveis com a sua ou não.
Diante disso, você já se perguntou o que fazer com aquele colega de trabalho, subordinado ou chefe que torna o seu dia a dia mais difícil?
Com a ajuda de três especialistas em comportamento humano, EXAME.com reuniu dicas para que você aprenda a lidar com aquele colega de trabalho que tira você dos eixos.

1 Levante a bandeira branca

O mais importante é exercitar a paciência e benevolência. Afinal, na maioria dos casos, você tem que conviver com essa pessoa já que trocar de emprego nem sempre é uma solução ou opção plausível.

“Normalmente as pessoas difíceis precisam de coadjuvantes para exercer esse papel”, Sueli Brusco diretora executiva da SimGroup. Isso significa que você não pode entrar no jogo da pessoa.

Bancar o indiferente também não é uma boa estratégia. “Ignorar pode ser uma faca de dois gumes, pois ela pode se irritar ainda mais e o conflito piorar”, explica a especialista.

A estratégia, então, é manter a compostura e não agir pela emoção. Nas palavras de Sueli, não se deixe machucar. O ideal é parar e encarar as situações racionalmente.

2 Olho no olho

As pessoas normalmente não têm consciência de qual atitude irrita os outros – de mascar chiclete mais alto ao jeito de ordenar uma tarefa –.  Diante de casos assim, a técnica indicada por Marta Campelo, professora de liderança da Fundação Dom Cabral, para resolver o impasse é conversar e perguntar qual a opinião da pessoa sobre o assunto.

Atenção: esse questionamento deve ser feito com respeito, afinal ninguém gosta de ser tratado como incompetente.

“Um exemplo, no ambiente de trabalho as pessoas acham que estão sozinhas quando estão falando no celular. Se isso lhe incomoda, o melhor a fazer é aproximar e perguntar: durante uma ligação, será que você pode me ajudar e falar um pouquinho mais baixo? Fico desconcentrada quando isso acontece”, explica a professora.

Sueli dá outra dica: se você for próximo à pessoa, tente se aproximar e apontar os problemas que, talvez, ela não queira enxergar. Agindo afetuosamente com ela, ela pode ficar mais acessível.

3 O outro lado

Confrontar não é recomendado. A atitude tem de ser reflexiva e analítica. Tente compreender a pessoa, o contexto em que ela vive e os valores que tem. Esqueça o rótulo de vilão e vítima.

“As pessoas difíceis normalmente esperam que as outras ajam do jeito que elas querem”, afirma Adriana Prates, presidente da Dasein Executive Search. “Ao descobrir a origem disso, você começa a prever o comportamento dela e a desenvolver uma maneira de lidar com ela”.

4  A técnica do espelho

Será que você também é uma pessoa difícil? A solução é a auto avalição. O primeiro passo é parar de acusar que o outro está errado. Tente se conhecer melhor, exercite o domínio próprio e mostre seus valores.

Ninguém tem o poder de mudar o outro. Quando você é responsabilizado erroneamente por algo que você não fez, foque nas medidas práticas para que isso não aconteça mais. Às vezes, você não foi claro ou o que você pediu não pôde ser realizado por alguma razão que você não sabia.

5 Apoio

Quando você está esgotado e já tentou de tudo, recorra a uma ajuda externa. Converse com o superior responsável se a pessoa difícil é um colega de trabalho ou com o RH da empresa. Em alguns casos, vale até recorrer a terapia em grupo.

Às vezes, uma intervenção é necessária vinda de cima para baixo. Mas cuidado ao tomar essa decisão. Você pode passar para os outros a imagem de dedo duro ou, até, incapaz de solucionar problemas.
 
Crédito: EXAME.com 

A Idade de Ser Feliz

A Idade de Ser Feliz

Existe somente uma idade para a gente ser feliz,
somente uma época na vida de cada pessoa
em que é possível sonhar e fazer planos
e ter energia bastante para realizá-las
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos.

Uma só idade para a gente se encantar com a vida e viver apaixonadamente
e desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo, nem culpa de sentir prazer.

Fase dourada em que a gente pode criar
e recriar a vida,
a nossa própria imagem e semelhança
e vestir-se com todas as cores
e experimentar todos os sabores
e entregar-se a todos os amores
sem preconceito nem pudor.

Tempo de entusiasmo e coragem
em que todo o desafio é mais um convite à luta
que a gente enfrenta com toda disposição
de tentar algo NOVO, de NOVO e de NOVO,
e quantas vezes for preciso.

Essa idade tão fugaz na vida da gente
chama-se PRESENTE
e tem a duração do instante que passa.

Obs: Naõ conseguir encontrar o autor, se alguém souber, favor deixar no comentário.

PRA PENSAR UM POUCO.

Sem sombra de dúvida, a vontade do capitalista consiste em encher os bolsos, o mais que possa. E o que temos a fazer não é divagar acerca da sua vontade, mas investigar o seu poder, os limites desse poder e o caráter desses limites.
( Karl Marx )

ALEGRE POR PASSAR O DIA COM MINHA MÃE E TRISTE POR PERDER MINHA VÓ.

   Boa noite gente, acaei dechegar da casa de minha mãe. Foi um dia ótimo apesar de estarmos tristes pela morte de minha vó, mãe da mamãe. Ja se foram dois trës dias sem a presen;a de minha querida vó.\
   Quero aproveitar e deixar uma mensagem:
    Vizitem seus familiares, se não puderem, liguem pra eles, digam que você os ama, motre que você se preocupa com eles. Náo cometam o mesmo erro que eu, uma semana antes de minha vó morrer eu tive como ir visita-la e por capricho meu, eu não fui. Poderei ter me despedido dela e dito que eu a amava muito.
    Agora depois de morta eu me desespero e choro em seu cachão, não acreditando que eu nunca mais a veria. Dizer : Te Amo pra quem tá vivo é muito diferente de uma pessoa morta.
     Valorizem sua mãe e principalmente a pessoa que botou sua mãe no mundo. Elas podem até parecer chatas, ou darem um pouco de trabalho pelo fato de estarem em certa idade, mas eu digo com onvicção, você sentirá muito sua falta e garnto que você não vai querer perde-loa.
    Quero aroveitar e desejar um FELIZ DIA DAS MÃES, para as mamães leitoras deste blog.

MARIA IZOIDE (Minha Vó), o meu muito obrigado por todo o amor que a senhora me deu.
SILVETH SANTOS (Minha Mãe), obrigado por continuar me amando e cuidando de mim.

                           Boa noite,       Weucles.